terça-feira, 3 de junho de 2008

TUBARÃO-MARTELO

Os tubarões são animais muito importantes para o equilíbrio de quase todos os ecossistemas marinhos.Estas criaturas tem fama de serem terríveis assassinos. Na realidade, poucas espécies representam algum tipo de risco para o homem.Os tubarões tiveram suas populações drasticamente reduzidas neste último século e muitas espécies se encontram em situação de grande perigo. Mais de 30 espécies de tubarão estão em risco no Brasil (quase 40% das espécies presentes em nossa costa)



Nome comum de aproximadamesnte dez espécies aparentada de tubarões que vivem em mares tropicais e temperados. Duas grandes extensões planas e laterais da cabeça dão-lhes uma força hidrodinâmica que lhes permite girar com mais rapidez que outros tubarões. Pertence a família dos Esfurnídeos, ordem dos Galeiformes.

É comum em toda a costa brasileira. Atinge 4,2 metros de comprimento. Sua cabeça possui formato curioso que lhe dá o nome de martelo: são duas laterais proeminentes na cabeça, onde localiza seus olhos. Alimenta-se de animais escondidos na areia do fundo do mar. É considerada uma espécie semi-oceânica.


Tubarão na qual a cabeça explica o nome, mas não muito a função. É como as outras espécies do gênero, um dos grandes peixes que se aproximam das praias. Alcança proporções descomunais, chegando a medir 4m de comprimento e pesar 400 kg, ainda que os maiores exemplares capturados nas praias não passem de 10,20kg. Pesca-se com materiais pesados e iscas comuns a cações, anzóis no fundo.

O tubarão-martelo é uma das espécies mais comuns, ocorrendo muitas vezes em grandes cardumes em águas pouco profundas. Ninguém sabe por que a cabeça do tubarão-martelo evoluiu neste curioso formatoPara alguns biólogos, este formato lhes proporciona uma vantagem sensorial na localização de presas, enquanto outros acreditam que ajuda a manter o tubarão em estado de equilíbrio flutuante dentro da água.As barbatanas de tubarão-martelo constituem um manjar muito apreciado na Ásia oriental, embora o corte de barbatanas de tubarão-martelo e de outros tubarões seja proibido em muitos países. Atinge 4,2 metros de comprimento. Sua cabeça possui formato curioso que lhe dá o nome de martelo:s na areia do fundo do mar. É considerada uma espécie semi-oceânica . duas laterais proeminentes na cabeça, onde localiza seus olhos. Alimenta-se de animais escondido. Duas grandes extensões planas e laterais da cabeça, dão-lhes uma força hidrodinâmica ascensorial que lhes permite girar com mais rapidez que os outros tubarões. Tamanho Máximo: 5,5 metros / 400 kg - Distribuição: Águas temperadas do mundo inteiro, do sul do Canadá ao Chile e Nova Zelândia -Reprodução: Vivíparos. Entre 20 e 40 crias por ninhada.

Nenhum comentário: